Dermatite Atópica

DERMATITE ATOPICA.

DEFINIÇÃO:
    Dermatose eczematosa, recorrente, frequentemente associada a historia pessoal ou familiar de atopia (bronquite asmatica, rinite alérgica).

ETIOLOGIA: 
    O quadro é multifatorial, havendo correlação a fatores genéticos, fisiológicos (alteração da função da pele com diminuição do manto lipidico) e imunologicos (a imunidade humoral apresenta-se alterada em função do aumento da IgE observado na maioria dos pacientes).

QUADRO CLINICO:
    A dermatite atopica inicia-se geralmente no terceiro mes de vida. O sistoma sempre presente no quadro é o prurido, bastante intenso e que evolui em surtos de atividade e de acalmia. 
    Ela é divida em 3 fases:
    Fase infantil (terceiro mês a 2 anos de idade): lesões eczematosas localizadas na região zigomática (face) e superficies extensoras dos braços e pernas. O quadro é semp´re acompanhado de intenso prurido).
Dermatite atópica bebê
    Fase pré puberal (dois anos a 12 anos de idade): lesões caracterizadas por placas eritemato-papulosas e liquenificadas, localizadas preferencialmente nos cavos ante-cubitais (braços) e ante-popliteos (joelhos).
Dermatite atópica flexura
    Fase adulta: geralmente nesta fase o quadro é constituido por placas liquenificadas e pruriginosas disseminadas por todo o corpo.
    O pacientes com dermatite atopica apresentam sinais de ressecamento da pele, ceratose pilar, hipersensibilidade palmar, dupla prega infrapalpebral (sinal de Dennie-Morgan), rarefação das sobrancelhas na sua porção distal (sinal de Hertogue).

EVOLUÇÃO:
    Crônica, com frequentes episódios de recidivas.

EXAMES COMPLEMENTARES:
   Geralmente não são necessários, já que o diagnóstico é clinico.

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL:
    Dermatite seborreica e dermatite de contato.

TRATAMENTO:
    Orientações: evitar banhos prolongados e muito quentes, evitar uso excessivo de sabonetes, procurando sempre usar roupas leves e evitar transpiração.
    Anti-histaminico oral: prescrito pelo médico para o prurido.
    Umectação da pele: são prescritos cremes emolientes e hidratantes.
    Inflamação: corticosesteroides tópicos de baixa potência, corticoides sistêmicos (medicação de excessão).

  
  
    
  



24 comentários:

Regina disse...

Dr. Paulo, tem um selo para seu blog no meu cantinho. É contra a violência infantil.
http://cantinhodaenfermeiraregina.blogspot.com
Abraços
Enf. Regina

Anônimo disse...

gostaria de saber se ha tratamento p/oangioma na orelha

Paulo Fontella Filho disse...

O tratamento para Hemangioma, depende de uma avaliação médica, oriento procurares um dermatologista para ele analisar qual o tipo de angioma, sua localização, tamanho e etc para decidir qual melhor maneira de tratá-lo ou não.
Um abraço.

Anônimo disse...

bom DR minha filha tem sete anos e já faz 3 a 4 meses que vem aparecendo bolinhas de dentro de unha para fora e com o tempo começa a ferir os dedos já levei ao pediatra por duas vezes e falam que e micose e passam antibioticos e pomadas sabonete rezolve por um tempo mais depois volta o que eu faço

Paulo Fontella Filho disse...

Bom dia.
O melhor neste caso é procurar um dermatologista para avaliação e eventualmente realizar exame complementar.
Não tem como ser avaliado uma lesão dermatológica sem examinar
Um abraço

joao paulo disse...

DR moro no interior do RJ tenho uma filha c/ 6 anos e ea tem apresentado todas as fases da dermatite como o senhor falou ja consultei pediatras alergistas mas nao resolveu que especialista procuro e se o tratamento tem cura
por favor me responda o meu comentario

Paulo Fontella Filho disse...

Bom dia João Paulo!
A dermatite atópica é uma doença crônica, que apresenta períodos de exacerbação. O especialista mais indicado para acompanhar sua filha é o dermatologista. Existem alguns centros de dermatologia especializados em dermatite atópica. Aqui em Porto Alegre existe no hospital de Clinicas. Terás que te informar se existe algo parecido na tua região.
Um abraço.

Anônimo disse...

Dr. Paulo, minha filha tem dermatite atópica e gostaria de saber se passar óleo de girassol após o banho ajuda a hidratar masi o corpo? Pois não sei mais oque faço para resolver isto, e um pediatra receitou que fize-se isto! Aguardo

Paulo Fontella Filho disse...

Boa Noite Anônimo!

A dermatite atópica, como colocado no Blog, é de causa multi fatorial, crônica, com períodos de melhora e piora.
A hidratação da pele é importantíssima, porém, na fase aguda as vezes necessita de outras medidas para melhorar o quadro.
Te oriento a procurar um dermatologista para acompanhamento e orientação.
Não posso prescrever medicação sem acompanhamento e examinar o paciente.
Um abraço.

Fabio Pereira disse...

Muito bom esclareceu a todas as minhas dúvidas...Obrigado

Anônimo disse...

Ola Dr.tenho um sobrinho de 5 anos e tem varias manchas vermelhas na pele e ele sente muita cosiera e quando cossa sai sangue,ja levamos ele em varios medicos mas nenhum consegue diaguinosticar,eu acho que é igual as manchas desse bebe.
o que devo fazer?

Paulo Fontella Filho disse...

Boa Noite Anonimo!

Sem ver a lesão é impossível fazer diagnóstico, o ideal seria procurar um dermatologista pediátrico para avaliação e tratamento.
Um abraço.

Anônimo disse...

Tão aparecendo algumas dessas bolinhas na parte de trás do meu joelho e nas minhas axilas tem algum problema em usar desodorante?

Paulo Fontella Filho disse...

Bom dia anônimo!

Alguns desodorantes podem sim irritar a área afetada, principalmente os a base de álcool. Sugiro procurar um dermatologista para orientações.

Silvia disse...

Olá Doutor, tenho um filho de 2 anos e 11 meses. Ele sempre teve intestino preso mas há pouco tempo ele começou a fazer fezes bem moles e várias vezes ao dia, sempre bem pouquinho. Ele está em desfraldamento e o xixi já faz no banheiro certinho mas as fezes tem dificuldade. Ele tinha dificuldade exatamente porque ficava minutos em pé tentando, fazendo força e não queria sentar. Da ultima vez que isso aconteceu ele sofreu muito, e fez umas fezes muito grandes tadinho, e depois desse dia suas fezes ficaram como eu já citei no inicio.O que seria isso? Psicológico ou pode ser algum problema?
Obrigada e espero retorno!

Paulo Fontella Filho disse...

Bom dia Silvia.

Esse seu questionamento é muito complexo para ser colocado em um simples post. Envolve hábitos alimentares, fatores psicológicos e orgânicos, que devem ser analisados em uma consulta no consultório médico.
Aconselho a procurar o pediatra da criança para ser examinada e receber orientações.
Um abraço.

Silvia disse...

Ok, faremos isso. Obrigada!
Silvia

Suzana disse...

Dr. Paulo, meu nome é Suzana, Tenho um filho de 6 anos, e desde os 2 anoinhos de idade estamos num tratamento intenço com um alergista, por causa da dermatite, agora com 6 anos ele esta fazendo terapia uma vez por semana, aquelas vacininhas que começam uma vez por semana. Mas ele sempre reclama uma dor na barriga tambem, a pediatra sempre passa lumbrigueiros, mas acho que não tem resouvido. Ele tem intolerancia a lactose, qual especialista devo procura?

Paulo Fontella Filho disse...

Boa tarde Suzana!

O especialista que trata a dermatite atópica geralmente é o dermatologista. Pois é necessário uma boa hidratação da pele, além do uso de medicações para controle dos sintomas.
Especialista que trata de intolerância a lactose e dores abdominais é o gastroenterologista.
Espero ter ajudado.

Anônimo disse...

Dr.Paulo,

Meu filho está com 4 meses, tomou a vacina Pentavalente e Rotavírus(2 dose). 2 dias depois começaram umas Pintas vermelhas no rosto, atrás da orelha. Levei ao Pediatra e fui orientado a ficar tranquilo pois trata-se de uma Enterovírose causada pela reação da Vacina do Rotavírus. Receitou uma pomada e um sabonete neutro. Falou que passaria depois de 5 dias. Hoje, 12 dias depois, meu filho está com o corpo todo preenchido dessas bolinhas vemelhas que coçam muito. Não existem outros sintomas, ele não teve febre e alimenta-se muito bem. Qual a sua orientação? Obrigado

Paulo Fontella Filho disse...

Boa tarde anônimo!

A minha orientação é retornares ao pediatra para avaliação. Não é recomendável fazer diagnóstico sem examinar o paciente.
Um abraço.

Anônimo disse...

Dr . Paulo meu filho tem 2 anos e seis meses e tem dermatite atópica grave,faz 2 anos que ele está em tratamento,Já ficou internado duas vezes, usa remédios,antialérgicos,pomadas,cre-mes,sabonete vegetal. No tempo frio sua pele fica melhor.No calor, ele coça a noite inteira, não consegue dormir.
Gostaria de saber a partir de que idade ele vai dar uma melhorada ,ou se vai ser assim a vida toda?
Abraços,
Gilson França

Paulo Fontella Filho disse...

Olá Anônimo!

Pergunta muito difícil de ser respondida, pois algumas crianças melhoram com o crescimento outras não.
O que se sabe é que a dermatite atópica é uma doença Crônica, com frequentes episódios de recidivas.
O que vai determinar a melhora clinica da criança é fazer acompanhamento com dermatologista experiente e realizar o tratamento e orientações propostas.
Um abraço.

Anônimo disse...

Bom dia, tenho 30 anos e tenho dermatite atópica, passei em muitos médicos na minha vida e cada um prescrevia algo diferente que nunca funcionava, cada um dizia que era alergia a uma coisa, tomei muitos corticóides que afetaram muito a elasticidade da minha pele, enfim, é um tratamento para a vida inteira no meu caso, o que resolveu para mim foi o seguinte:
banhos mornos, muito hidratante Nívea azul marinho e óleo johnsons, sabonete Dove caixa branca e azul marinho, evitar coisas perfumadas,mudanças bruscas de temperatura e exposição a muito sol ou muito frio.
Espero que tenha ajudado.